Notícias

//Projeto de Elber que torna obrigatório o diploma para jornalista em Aracaju foi aprovado na Câmara.

Projeto de Elber que torna obrigatório o diploma para jornalista em Aracaju foi aprovado na Câmara.

Projeto de Elber que torna obrigatório o diploma para jornalista em Aracaju foi aprovado na Câmara.

Foi aprovado hoje, 21.10, na sessão on line da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) o Projeto de Lei  44/2019, de autoria do vereador Elber Batalha (PSB), que obriga a contratação pelo poder público municipal, administração direta ou indireta, de profissionais de jornalismo que possuam diploma de formação e registro no seu órgão de classe.

Segundo o parlamentar, esse projeto vem para reparar um erro cometido com os profissionais da comunicação, em especial, os jornalistas, já que todas as categorias profissionais, sem exceções, têm como requisito essencial à prática da profissão, a exigência de uma graduação universitária. “O que se tem de injustiça hoje foi aquela decisão do ilustre ministro sergipano Carlos Aires Brito, que, ao meu ver errou, e aqui todo meu respeito a figura que ele representa, em seu voto quando tirou a obrigatoriedade do diploma para o exército da profissão de jornalista”, lembrou.

O vereador Elber disse que em vários tribunais tem se discorrido no Brasil que cada ente federativo pode colocar o diploma como pré-requisito na contratação de profissionais para exercer a profissão de comunicador. “Neste momento em que o Brasil sofre tanto com a disseminação das chamadas ‘fake news’, com informações que são das mais sofríveis origens, que causam mal a sociedade, que disseminam mentiras e inverdades; qualificar cada vez mais as nossas fontes de informações é um pressuposto imprescindível para o fortalecimento da democracia brasileira. Esse Projeto de Lei visa fortalecer não só a categoria de profissionais, mas, sobretudo, qualificar as informações que chegam até à população”, finalizou Elber.

2020-10-21T21:57:24-03:0021 out 2020|Notícias|